Artigos no taz

Eu tive que voltar para o Brasil para conseguir publicar artigos no taz. Eu cheguei a escrever quatro ou cinco artigo enquanto estava em Berlin, mas meus textos sempre acabavam servindo de embasamento para as matérias dos colegas e nunca publicados na íntegra. Enfim, quanto estava lá, fiz trabalho de correspondente para meu jornal daqui, o Correio do Povo. Agora que estou aqui, o caminho se inverteu.

Os dois artigos, um do dia 16 de junho e outro do dia 30 de junho, podem ser conferidos online. Clica nos links abaixo 😉

“Prostitutas aprendem línguas estrangeiras”, taz, 16 de junho de 2013.

Prostituierte lernen Fremdsprachen

“A cada dia, novas visualizações”, taz, 30 de junho de 2013.

Jeden Tag neue Aufrufe

Advertisements

1 Comment

Filed under Depois

One response to “Artigos no taz

  1. Catarina

    Olá Fernanda,parabens pelo blog!!!
    cheguei aqui atraves do teu blog sobre a cidade do Porto,
    e adorei as fotos dos pratos alemães e os doces do café da manha,
    eu que estou numa fase nervis,de tentar sobreviver a base de soja,tofu,
    organicos e tals…..
    quando vejo foto de comida com cara de sustança,
    dá uma baita vontade de chutar o balde….
    mas até eu chegar no manequim 40,haja sacrificio!!!
    Fernanda,sei que voce esta em fase de escrever sobre Alemanha e tal,
    mas gostaria de enviar e-mail para voce,com perguntas sobre o Porto,
    procurei pelas minhas duvidas no blog do Porto,mas não encontrei,
    então se for possivel,queria muito poder contar com sua ajuda,
    vou para o Porto antes do fim do mes,com passagem só de ida,
    tenho passaporte portugues,e vou com intuito de viver num pais mais seguro,e com custo de vida mais justo,
    primeira duvida,COMO EU ALUGO UM APARTAMENTO TEMPORARIO POR 6 MESES,EM UM LUGAR SEGURO,COM COMERCIO PERTO?
    enviei 16 e-mails,para imobiliarias de Porto e Gaia,mas acredita que nem fazendo oferta de pagar os 6 meses adiantado,ninguem aluga?
    é muito louco porque se eu não tiver uma experiencia de ficar um periodo na cidade,conhecer,me acostumar e tal,fica impossivel fazer um contrato maior,porque vai que a cidade não é o que procuro,daí eu perco tempo dinheiro,imagina o baita stress……
    pois bem,esta é uma de muitas duvidas que estão fervilhando meus neuronios,se puder contar com sua ajuda,desde já fico mega agradecida,
    abraço,
    Catarina.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s